RÚSSIA - Níveis de radiação aumentam 16 vezes após explosão de foguete com 5 mortes.

MAIS NOTÍCIAS

A agência nuclear estatal da Rússia, Rosaton, informou que o acidente ocorreu durante teste de um motor em uma plataforma marítima no Mar Branco, provocando a morte de pelo menos cinco cientistas e ferindo três.


A Rússia reconheceu neste sábado, após dois dias de silêncio, que a explosão ocorrida na última quinta-feira em uma base de lançamento de mísseis próxima do Ártico teve um caráter nuclear, com um saldo de cinco mortos.
Observem a onda de choque nos vídeos abaixo:

A explosão assustou as populações locais e fez com que as pessoas corressem às farmácias, nas cidades de Arkhangelsk e Severodvinsk, e esgotassem os estoques de iodo medicinal, usado para diminuir os efeitos da exposição à radiação.

Em comunicado, a agência nuclear russa, Rosatom, anunciou que cinco membros do seu quadro morreram na explosão e outras três pessoas sofreram queimaduras. Autoridades militares não informaram sobre a possível presença de combustível nuclear no acidente, que ocorreu na região d…

Mike Pompeo anuncia 20 milhões de dólares em ajuda humanitária para a Venezuela




EUA e outros sete países debatem na Organização dos Estados Americanos (OEA) para tratar dos recentes acontecimentos na Venezuela depois que várias nações apoiaram a auto proclamação de Juan Guaidó como presidente da Venezuela.

O Chefe de Estado dos EUA., Mike Pompeo, disse que é necessário que a aliança de países da região reconheça Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela.

"É hora de a OEA reconhecer Juan Guaidó como presidente no comando", disse ele durante seu discurso.

"Os Estados Unidos estão prontos para fornecer assistência humanitária à Venezuela com mais de 20 milhões de dólares para enfrentar a terrível escassez de remédios e alimentos", disse o diplomata.

Além disso, o representante do governo dos EUA reiterou seu desconhecimento sobre o novo mandato de Nicolás Maduro e sua rejeição das eleições inconstitucionais que ocorreram em 20 de maio na Venezuela.

"O regime do ex-presidente Nicolás Maduro é ilegítimo (...) Pedimos às forças de segurança que protejam o presidente interino Juan Guaidó", disse ele.

O Embaixador Carlos Calles Castillo, Representante Permanente de El Salvador, preside a sessão do Conselho Permanente da Organização dos Estados Americanos.