Bolsonaro visita a CIA - o encontro sinalizou a disposição do governo brasileiro em estreitar laços no combate aos crimes transnacionais.

MAIS NOTÍCIAS

O presidente Jair Bolsonaro foi na manhã de ontem (18), à Agência de Inteligência dos Estados Unidos (CIA) para uma visita de cortesia.
Ele foi recebido pela diretora da agência, Gina Haspel. Segundo o porta-voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros, o encontro sinalizou a disposição do governo brasileiro em estreitar laços com a CIA no combate aos crimes transnacionais. “Foi uma visita de cortesia para, a partir daí, estabelecer esse foco de cooperação na área do crime organizado, dos crimes transnacionais e, eventualmente, os acordos na área de inteligência”, disse o porta-voz.  A visita não entrou na agenda oficial e a imprensa não foi avisada.  Rêgo Barros afirmou que a visita foi decidida pelo presidente no avião, rumo a Washington, capital do país. Presidente @jairbolsonaro chega aos EUA para primeira visita oficial ao país. O objetivo é promover uma agenda positiva entre os dois países. Na terça (19), está previsto encontro com o presidente Donald Trum…

A Lua no Perigeu - a popular Superlua



O que é Perigeu?

Perigeu é o nome dado para o ponto mais próximo que a Lua atinge em relação ao planeta Terra.

O perigeu pode ser aplicado para qualquer astro celeste, indicando que se encontra no ponto mais próximo da Terra em relação a sua órbita.

No entanto, o perigeu lunar é o mais comum nos estudos astronômicos. Quando este evento acontece, no mesmo tempo em que a lua está na sua fase “cheia”, cria-se um fenômeno chamado de superlua.


Na Lua Cheia em perigeu (ou superlua), o satélite natural da Terra aparenta ser aproximadamente 14% maior do que o normal, além de 30% mais brilhante, dependendo das condições atmosféricas do local de observação.

No perigeu lunar o planeta Terra está na menor distância possível com a Lua, cerca de 360 mil quilômetros. Para se ter uma ideia, no apogeu – ponto mais distante entre a Terra e a Lua – a distância aumenta para 405 mil quilômetros, quase 50 mil quilômetros de diferença.

A lua não possui uma órbita circular, mas sim elíptica, por esta razão o fenômeno do perigeu é possível. Caso o movimento da Lua fosse circular, por exemplo, a distância entre os dois corpos celestes se manteria sempre constante.

Para completar uma órbita completa ao redor da Terra, a Lua leva aproximadamente 28 dias, sendo que em determinados períodos está na próxima do nosso planeta, e mais distante em outros.


Fonte: www.significados.com.br
Fotos: Meire Ruiz



Comentários