RÚSSIA - Níveis de radiação aumentam 16 vezes após explosão de foguete com 5 mortes.

MAIS NOTÍCIAS

A agência nuclear estatal da Rússia, Rosaton, informou que o acidente ocorreu durante teste de um motor em uma plataforma marítima no Mar Branco, provocando a morte de pelo menos cinco cientistas e ferindo três.


A Rússia reconheceu neste sábado, após dois dias de silêncio, que a explosão ocorrida na última quinta-feira em uma base de lançamento de mísseis próxima do Ártico teve um caráter nuclear, com um saldo de cinco mortos.
Observem a onda de choque nos vídeos abaixo:

A explosão assustou as populações locais e fez com que as pessoas corressem às farmácias, nas cidades de Arkhangelsk e Severodvinsk, e esgotassem os estoques de iodo medicinal, usado para diminuir os efeitos da exposição à radiação.

Em comunicado, a agência nuclear russa, Rosatom, anunciou que cinco membros do seu quadro morreram na explosão e outras três pessoas sofreram queimaduras. Autoridades militares não informaram sobre a possível presença de combustível nuclear no acidente, que ocorreu na região d…

MCTIC abre seleção para novo diretor do Laboratório Nacional de Astrofísica.

MAIS NOTÍCIAS

Candidatos interessados têm até 30 de abril para enviar documentação. Mandato para o cargo é de 4 anos
Observatório do Pico dos Dias (OPD)

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) abriu processo seletivo para a escolha do novo diretor do Laboratório Nacional de Astrofísica (LNA), localizado em Itajubá (MG). De acordo com o edital publicado no Diário Oficial da União, os interessados em concorrer à vaga têm até o dia 30 de abril de 2019 para encaminhar a documentação exigida. O cargo tem mandato de quatro anos.

O Laboratório Nacional de Astrofísica é uma unidade de pesquisa do MCTI responsável por gerenciar o Observatório do Pico dos Dias (OPD) e também a parte brasileira no Observatório Gemini e do Telescópio SOAR, consórcios internacionais cujos telescópios estão instalados no Havaí e Chile. O LNA ainda desenvolve instrumentos para a observação astronômica e exerce papel importante na divulgação pública da astronomia no Brasil.

Podem se candidatar ao cargo de diretor do LNA brasileiros (as) natos (as) ou naturalizados (as), com notório conhecimento e experiência profissional compatível com as áreas de atuação do LNA, portadores de diploma de doutorado e que atendam aos requisitos básicos descritos no edital.

Os documentos exigidos para a candidatura incluem carta com solicitação de inscrição, acompanhada de memorial explicitando sua capacitação relativa aos requisitos básicos, curriculum lattes atualizado, incluindo produção científica, e texto de até cinco páginas descrevendo a visão de futuro para o LNA e seu plano de gestão, alinhado à Estratégia Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação 2016-2022 (ENCTI).


Além da avaliação dos documentos solicitados, o processo seletivo incluirá apresentação pública do plano de gestão e entrevista privada dos interessados pelo Comitê de Busca. O comitê irá selecionar e encaminhar três nomes ao ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, astronauta Marcos Pontes, que definirá quem assume o cargo, com mandato de quatro anos.

Os candidatos podem encaminhar a documentação exigida, por e-mail e via correspondência, ao seguinte endereço:

Prof Dr. Adalberto Fazzio
Presidente do Comitê de Busca para o LNA
CNPEM - Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais
Rua Giuseppe Máximo Scolfaro, 10000 - Polo II de Alta Tecnologia
Campinas - SP
CEP. 13083-970


Fonte: MCTIC