ATENÇÃO! Cinzas do Vulcão Ubinas sobre SP, PR e RJ!

MAIS NOTÍCIAS

Vulcão Ubinas, no Peru, registra maior explosão em 300 anos. Texto de Everton S. Gonçalves  Pluma de cinzas vulcânicas chegam sobre o centro sul do Brasil nessa manhã de sábado, originada da erupção do vulcão Ubinas no Peru.



Mais cedo estavam concentradas sobre PR e SP. Agora estão concentradas entre SP e RJ, avançando para o mar.  Como estão em altitudes bem elevadas, vai ser pouco sentido pela população. 
No máximo, o céu vai ficar cinzento durante o dia e o pôr do sol pode ser diferenciado, na luminosidade e cores, principalmente mais avermelhado e rosado.
Em 2015 as cinzas do Vulcão Cabulco, no Chile, chegaram ao Sudeste do Brasil. As imagens abaixo mostram o efeito óptico atmosférico causados pelas cinzas ao Pôr do Sol.



Mas vale destacar que cinzas vulcânicas são um grande risco para a aviação. Queromos acreditar que nossas autoridades estejam monitorando essa situação.




Com informações de Everton S. Gonçalves 
Em atualização...
Fique ligado! Acompanhe nosso SITE! Monitore…

Policial militar acusado de matar Marielle Franco contratou, no passado, advogado de familiares de Beira-Mar.

MAIS NOTÍCIAS

Preso ontem pelo assassinato de Marielle Franco, o PM reformado Ronnie Lessa foi defendido numa causa cível pelo criminalista Sergio Alves Teixeira Júnior, advogado de familiares de Fernandinho Beira-Mar e de outros poderosos integrantes da cúpula do Comando Vermelho.

Com seu nome indexado em mais de 330 processos, Sérgio Teixeira tem entre seus principais clientes Luan Medeiros da Costa, filho de Beira-Mar, e Marcos José Monteiro Carneiro (o Periquito), compadre e braço-direito do megatraficante, além de seu filho Maicon Monteiro Carneiro.

Sérgio Teixeira também advoga para Saulo Oliveira (o Saulo Beira-Mar), que era considerado uma espécie de sucessor do megatraficante até ser preso em 2017. Em 2004, o advogado foi indiciado por crime de facilitação de fuga do traficante Leandro Aparecido de Jesus Sabino, o DJ.

Há algum tempo, o MP do Rio investiga a parceria de milicianos com traficantes, especialmente no fornecimento de armas e informações privilegiadas – as chamadas “narcomilícias”. O esclarecimento do assassinato de Marielle passa, necessariamente, pela apuração de uma eventual ligação de Ronnie com Beira-Mar.

Fonte: O Antagonista