Bolsonaro visita a CIA - o encontro sinalizou a disposição do governo brasileiro em estreitar laços no combate aos crimes transnacionais.

MAIS NOTÍCIAS

O presidente Jair Bolsonaro foi na manhã de ontem (18), à Agência de Inteligência dos Estados Unidos (CIA) para uma visita de cortesia.
Ele foi recebido pela diretora da agência, Gina Haspel. Segundo o porta-voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros, o encontro sinalizou a disposição do governo brasileiro em estreitar laços com a CIA no combate aos crimes transnacionais. “Foi uma visita de cortesia para, a partir daí, estabelecer esse foco de cooperação na área do crime organizado, dos crimes transnacionais e, eventualmente, os acordos na área de inteligência”, disse o porta-voz.  A visita não entrou na agenda oficial e a imprensa não foi avisada.  Rêgo Barros afirmou que a visita foi decidida pelo presidente no avião, rumo a Washington, capital do país. Presidente @jairbolsonaro chega aos EUA para primeira visita oficial ao país. O objetivo é promover uma agenda positiva entre os dois países. Na terça (19), está previsto encontro com o presidente Donald Trum…

Repórter chora ao ver venezuelanos cruzando a fronteira com o Brasil a pé em busca de comida e remédios.

MAIS NOTÍCIAS

Reporte Ya

O repórter Carlos Juarez não conseguiu conter as lágrimas quando viu como os venezuelanos cruzam a fronteira para o Brasil para ter acesso a alimentos e medicamentos que não são encontrados na Venezuela.


Você sabe que eu migrei da Venezuela para o Peru, mas para ver isso de novo, meus compatriotas andam porque eles não têm remédio ou comida não é fácil ", disse ele no meio do choro.

Ele pediu para levantar orações para essas pessoas e para aqueles que tinham maneiras de ajudá-los, ele pediu sua colaboração.

Deve-se notar que a fronteira entre a Venezuela e o Brasil está fechada há 19 dias e os cidadãos são forçados a se deslocar de um lado para outro por etapas ilegais que representam um risco à sua segurança.

Fonte: Maduradas

Comentários