EBOLA - 1.400 pessoas morreram até agora no segundo maior surto da história, mas segundo a OMS, ainda não é uma emergência internacional.

MAIS NOTÍCIAS

A epidemia do vírus Ebola na África Ocidental foi o surto mais disseminado da doença na história, matando mais de 11.000 pessoas e se espalhando para dez países, incluindo Libéria, Serra Leoa, Espanha e Estados Unidos.

Em 14 de junho, a Organização Mundial de Saúde divulgou uma declaração que outro surto de Ebola na República Democrática do Congo e em Uganda é uma emergência de saúde na região, mas não atende aos critérios de uma emergência internacional. A ONU também declarou que o surto ainda não é uma emergência global, mas é "um evento extraordinário" de profunda preocupação.
No entanto, as autoridades estão preocupadas com a disseminação da doença e com o fato de não haver dinheiro suficiente para combatê-la.

"O Comitê está profundamente decepcionado com o fato de a OMS e os países afetados não terem recebido o financiamento e os recursos necessários para este surto", diz a declaração da OMS. "A comunidade internacional deve aumentar o finan…

Michelle Bolsonaro visitou rapaz que sofre de doença rara que não tem cura: epidermólise bolhosa distrófica recessiva.

MAIS NOTÍCIAS

O encontro aconteceu na terça-feira (2), na casa do garoto, no bairro do Alto Branco, em Campina Grande.

Foto foi feita no primeiro encontro entre Michelle e Leleu. Foto: Divulgação/ PMCG

A primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, não se conteve e caiu no choro ao conhecer a história de vida de Leryston Matheus, mais conhecido como Leleu Guerreiro. O campinense de 21 anos sofre de uma doença rara que não tem cura: epidermolise bolhosa distrófica recessiva. 

Foto foi feita no primeiro encontro entre Michelle e Leleu. Foto: Divulgação/ PMCG

O que Michele Bolsonaro veio fazer em Campina Grande?
Michellhe Bolsonaro veio para Campina Grande na companhia do Ministro da Cidadania, Osmar Terra, ambos na terça-feira (2). A comissão veio visitar e conhecer de perto o atendimento feito as crianças com microcefalia. Ao lado prefeito da cidade, Romero Rodrigues, eles visitaram o Centro Dias, serviço destinado ao atendimento de crianças portadoras da doença, que fica no bairro Universitário, e o Criança Feliz, programa que é voltado para envolver as crianças em ações de saúde, educação, assistência social, cultura e direitos humanos.


Além de conversar, a 1ª dama e Leleu fizeram o “juramento do dedinho” ao som do também campinense Fabiano Guimarães, o Poetinha do Forró. A música escolhida foi a composta por Shylton Fernandes e Gabriel do Cavaco, que são justamente de Campina Grande. Mano Walter, artista que estourou nacionalmente com a canção, repostou o vídeo em sua redes sociais e convidou Leleu para o seu show.
Leleu mora atualmente no bairro do Alto Branco na companhia da sua mãe e avó. Apesar de não estudar, ele sabe ler e escrever. Seu time de coração é o Treze, o Alvinegro do bairro do São José. A internet é uma das suas diversões. Inclusive, ele tem um canal no YouTube em que atualiza rotineiramente com as suas batalhas diárias, já que o “Guerreiro” precisa de cuidados constantes.

"Obrigada meu deus obrigado Michelle Bolsonaro pela sua visita e toda sua 
comitiva muito obrigada. Deus continue lhe abençoando."


Leleu Guerreiro fez vídeo comentando sobre visita de Michele Bolsonaro.


Fontes: op9 / Instagram