EBOLA - 1.400 pessoas morreram até agora no segundo maior surto da história, mas segundo a OMS, ainda não é uma emergência internacional.

MAIS NOTÍCIAS

A epidemia do vírus Ebola na África Ocidental foi o surto mais disseminado da doença na história, matando mais de 11.000 pessoas e se espalhando para dez países, incluindo Libéria, Serra Leoa, Espanha e Estados Unidos.

Em 14 de junho, a Organização Mundial de Saúde divulgou uma declaração que outro surto de Ebola na República Democrática do Congo e em Uganda é uma emergência de saúde na região, mas não atende aos critérios de uma emergência internacional. A ONU também declarou que o surto ainda não é uma emergência global, mas é "um evento extraordinário" de profunda preocupação.
No entanto, as autoridades estão preocupadas com a disseminação da doença e com o fato de não haver dinheiro suficiente para combatê-la.

"O Comitê está profundamente decepcionado com o fato de a OMS e os países afetados não terem recebido o financiamento e os recursos necessários para este surto", diz a declaração da OMS. "A comunidade internacional deve aumentar o finan…

Dezenas de terremotos atingiram (e estão atingindo) a Albânia e a Grécia. Há feridos e 100 casas foram danificadas.

MAIS NOTÍCIAS

Vários terremotos em pouco espaço de tempo atingiram e estão atingindo a Albania e a Grécia.
Só na Albania o EMSC registrou um total de 28 terremotos das 04:26 às 18:35 UTC, com magnitudes variando de 2,5 a 5,3.

Fotos: Reuters/EMSC/EFP

O primeiro com magnitude de 5,3, sacudiu o sudeste da Albânia no sábado, ferindo quatro pessoas e causando danos a cem casas, disseram autoridades e testemunhas oculares.

Quatro pessoas ficaram feridas devido ao colapso das paredes, telhados e gesso de suas casas, e foram levadas para o hospital na principal cidade de Korce, no leste da Albânia, informou o Ministério da Defesa.

"Era 06:30 quando saí para ordenhar as vacas quando o terremoto aconteceu. Acordei as crianças e os adultos e corremos para fora, todos nós", disse Petrit, 60, à Reuters na aldeia de Floq, epicentro dos terremotos.

O telhado da casa de Petrit tinha desmoronado em dois cômodos. Cerca de 70 casas foram danificadas em Floq e na vila vizinha de Dvoran, informou o Ministério da Defesa.

Metade das 100 casas danificadas foram abandonadas estruturas antigas, disse o Ministério da Defesa. Soldados estavam armando tendas militares em Floq e os bombeiros também estavam lá.


Cinquenta famílias do bairro de Floq, mais danificado, abandonaram suas casas por medo de outros terremotos, encontrando abrigo nas tendas militares ou com parentes, disseram os moradores.

O primeiro terremoto teve seu epicentro a 15 km a sudeste da cidade de Korce, a uma profundidade de 14 km, e foi seguido por outros sete minutos depois, a uma profundidade de 18 km, em uma área na fronteira com a Grécia e a Macedônia do Norte.


Os tremores de menor intensidade continuaram em Korce e na área sul de Gjirokaster, na fronteira com o norte da Grécia. todayonline
Em atualização.

Fique ligado! Acompanhe nosso SITE!
Monitore as tempestades AQUI
Monitore o Sol AQUI